o “olho de Horus”

DSCF4709 - Cópia

Olho pintado numa aiola de Sesimbra

A representação pictórica de um olho em cada uma das faces da proa das embarcações é muito comum em numerosas tipologias de embarcações tradicionais de Portugal, especialmente no centro e no sul, da Nazaré a Tavira.

Traineiras, aiolas, calões, meias-luas, muletas e lanchas, ostentavam este símbolo, que alguns atribuem a sua origem ao olho de Horus do Antigo Egipto, muito difundido no Mediterrâneo Oriental e que teria chegado à Península Ibérica através dos Fenícios.

800 Costa da Caparica Passaporte 60 Arribação dos pescadores após o lançamento das redes 01 Arte xávega Meia Lua

Chegada de uma meia-lua na Costa da Caparica

Sabendo-se que existiu alguma mobilidade entre as comunidades piscatórias portuguesas, provavelmente esta representação terá acompanhado algumas delas, nomeadamente os algarvios que se instalaram na Costa da Caparica e cujas meias-luas da arte xávega são particularmente distintivas pelo uso do “olho de Horus”.

Certo é que essas comunidades piscatórias atribuíam um grande significado ao olho das “caras” (proas) das suas embarcações, seja pela protecção contra o mau-olhado, seja para guiar os barcos a bons pesqueiros e regressos seguros aos seus portos.

Estúdio Horácio Novais - foto Biblioteca de Arte - fundação Calouste Gulbenkian

Nazaré – Embarcações varadas na praia sendo bem distintivo um olho pintado numa traineira. Data desconhecida. Estúdios Novais. Biblioteca de Arte da FCG

Sendo tão identitário da tradição marítima e piscatória portuguesa e possuindo um simbolismo tão vincado e intenso, pareceu-nos também adequado para ser associado à própria identidade da Parceria das Conservas. Afinal as conservas são também um produto da tradição portuguesa, e muito do peixe utilizado no seu fabrico provém da pesca artesanal, chegando ainda às lotas em embarcações que ostentam o “olho de Horus”… Para já é a nossa imagem no FaceBook, mas em breve surgirá também noutros suportes.

Notas:

Imagem da embarcação da xávega da Costa da Caparica obtida em:

https://almada-virtual-museum.blogspot.pt/2015/12/arte-xavega-na-costa-da-caparica.html

Para mais informação acerca deste elemento pictórico nas embarcações portuguesas aconselhamos a consulta de:

http://marintimidades.blogspot.pt/

 

Anúncios

Acabadinho de chegar à banca (do ISSUU)

A Canned Fish Magazine acabou de chegar à ISSUU! É uma publicação da Parceria das Conservas que pretende divulgar as conservas portuguesas e o património com elas relacionado. Iremos tentar que seja trimestral sendo cada número dedicado a um tema. Este primeiro número é um guia das conservas portuguesas. Leiam, assinem e divulguem. OBRIGADO.
Canned Fish Magazine just arrived at ISSUU! It is a Parceria das Conservas’ publication which aims to publicize Portuguese canned fish and the heritage related to it. We will try to make this a trimestral publication having a specific theme on each number. This first issue is a Portuguese canned fish guide. Please do read, sign to and advertise.
THANK YOU.

Contactos e encomendas

19 Fev 2013 109

Contactos
Parceria das Conservas, Sector V, Banca 5, Mercado de Campo de Ourique

Horário: De Segunda a Sábado 10h – 20h, Domingos: 12h – 18h
Telefones: 914962319; 916202780
E-mail: parceriadasconservas@gmail.com
Facebook: https://www.facebook.com/parceriadasconservas

19 Fev 2013 081

Localização

Autocarros / bus – 701, 709, 774; Eléctrico / Tram – 28, 25 Parque / parking – 100 m

Encomendas

Vai viajar e por restrições de segurança não pode levar os nossos produtos consigo? Não reside em Portugal e gostaria de receber os nossos produtos? Quer fazer uma oferta especial – de produtos portugueses de qualidade – a alguém no estrangeiro? Temos embalagens para o efeito e uma tabela de preços para o seu envio para qualquer lugar do mundo. Consulte-nos.

Pack pai

DSC_0061 Caixa oferta I

Parceria das Conservas – Quem somos?

Banca FINAL

A nossa banca no mercado de Campo de Ourique

(English version in the end)

Parceria é um termo ligado à tradição portuguesa das pescas quer por corresponder à designação moderna de “armadores” quer porque na tradição da pesca costeira ou longínqua, os pescadores recebiam uma parte dos seus proventos em regime de parceria sobre o valor total do pescado realizado na campanha. Parceria porque a nossa equipa foi constituída com base numa prática e numa ética de parceria, aberta à criação de redes e de outras parcerias.

A Parceria das Conservas está instalada numa banca do mercado de Campo de Ourique participando, conjuntamente com os restantes comerciantes, na operação de requalificação do mercado e por acréscimo na valorização do próprio bairro. O nosso conceito para o estabelecimento de uma banca de conservas e afins alicerça-se em dois pilares sólidos, a autenticidade e a tipicidade dos produtos que comercializamos, provenientes fundamentalmente da indústria e dos saberes portugueses.

Parceria das Conservas: meaning, concept and “mission”

Conserva is the Portuguese general word for preserved/canned food; Parceria means partnership, and in the fishermen’s tradition all the crew earned according to a partnership based in the catch. The crew has also a strong connection based in solidarity; so for us the word “parceria” has an ethical sense and, in a local development perspective, we promote partnerships with all the different agents, directly or indirectly involved in our business.

Portuguese canned fish is a renewed tradition and in Parceria das Conservas we are up to date! Here you can find the centenary brands, or the new brands  from  fishermen cooperatives that decided to produce canned fish from their catches or others that were “forgotten” for many years and now reappear. You can find the traditional sardines or mackerel in pure olive oil, side by side with the salmon in lemon and Mediterranean herbs from organic farming and other delicatessen, like sardine roes, who are becoming  the Portuguese caviar.

Parceria das Conservas is located in a stall of Campo de Ourique’s Market (close to tram 28 terminal – Prazeres), a building from the 30s, renewed in 2013. We also participate in several weekend street markets in Lisbon.

dsc_0006-banca-i.jpg

Visite-nos! Visit us!